Play Trailer

Carandiru

Hector Babenco Drama 2003 145 min
Assista em casa:
Por que assistir a este filme?

Um dos grandes filmes do cinema nacional, que dá nome e voz para as histórias de inúmeros detentos do Carandiru. O longa abre nossos olhos para diversas questões, mas a principal delas é que o nosso sistema prisional, do jeito que é hoje, não é uma solução - é apenas parte do problema. Assista, mas fica aqui o aviso: a realidade, muitas vezes, incomoda.

Carandiru

Título original: Carandiru

Gênero: Drama Ano 2003 Classificação indicativa: +16

Duração: 145 min País: Brasil

Carandiru

Direção: Hector Babenco

Produção: Hector Babenco

Roteiro: Hector Babenco, Fernando Bonassi, Victor Navas, Dráuzio Varella

Elenco: Luiz Carlos Vasconcelos, Gero Camilo, Rodrigo Santoro, Milton Gonçalves, Maria Luisa Mendonça, Caio Blat

O filme é: Amargo, Centrado, Cruel, Dramático, Genuino, Intenso, Original, Doloroso, Realista, Triste, Sensível, Impactante, Sofisticado, Forte, Trágico

Perfil: Baseado em fatos reais, Festivais, LGBT, Violento

Sobre: Corrupção, Crime, Morte, Drogas, Gangues, Perseguição, Polícia, Política, Protestos, Revolução, Sociedade, Violência

Origem: Brasileiro, Latino-americano

Sinopse Numa cela da Casa de Detenção de São Paulo, o popular Carandiru, dois detentos se enfrentam num acerto de contas. O clima é tenso. Outro detento, Nego Preto, espécie de “juiz” para desavenças internas, soluciona o caso em tempo de dar “boas-vindas” ao médico, recém-chegado. O médico se depara com problemas gravíssimos: superlotação, instalações precárias, doenças como tuberculose, leptospirose, caquexia, além de pré-epidemia de AIDS.

Obrigado, agora você está inscrito na nossa newsletter!