Play Trailer

O Pagador de Promessas

  • IMDb 8.3
  • Premiado no Festival de Cannes
  • Premiado no Festival de Veneza
Anselmo Duarte Drama 1962 91 min
Assista em casa:
Por que assistir a este filme?

Um grande clássico do cinema nacional, sendo o primeiro filme latino-americano a ser indicado ao Oscar e também o primeiro (e, até hoje, único) longa brasileiro a receber a Palma de Ouro, o principal prêmio do Festival de Cannes - 'Orfeu Negro', que venceu a premiação em 1959, é considerada uma produção francesa. Trata-se de um olhar crítico à sociedade, abordando o uso da religião como controle social e a intolerância cultural - isso enquanto valoriza a nossa própria herança étnica. Apesar da produção parecer datada aos olhos dos mais novos, este é um relato atemporal.

O Pagador de Promessas

Título original: O Pagador de Promessas

Gênero: Drama Ano 1962 Classificação indicativa: Livre

Duração: 91 min País: Brasil

O Pagador de Promessas

Direção: Anselmo Duarte

Produção: Oswaldo Massaini

Roteiro: Anselmo Duarte, Dias Gomes

Elenco: Leonardo Villar, Glória Menezes, Dionísio Azevedo, Geraldo Del Rey, Roberto Ferreira, Norma Bengell, Othon Bastos, Antonio Pitanga

O filme é: Ousado, Dramático, Seco, Inteligente, Transformador, Debochado, Realista, Reflexivo, Revolucionário, Triste, Atemporal, Trágico, Incômodo

Perfil: Clásico, Festivais, Social, Trágico

Sobre: Morte, Fracasso, Ganancia, Vida, Sociedade

Origem: Brasileiro, Latino-americano

Sinopse Zé do Burro é um homem humilde que enfrenta a intransigência da igreja ao tentar cumprir a promessa feita em um terreiro de candomblé de carregar uma pesada cruz por um longo percurso até a igreja de Santa Bárbara em Salvador.

Obrigado, agora você está inscrito na nossa newsletter!