Play Trailer

O Estranho que Nós Amamos

Sofia Coppola Drama 2017 93 min
Assista em casa:
Por que assistir a este filme?

Refilmagem do filme de 1971, que por sua vez era baseado no livro homônimo de Thomas P. Cullinan, agora dirigido por Sofia Coppola - que recebeu o prêmio Melhor Diretora pelo filme no Festival de Cannes de 2017. Um dos méritos da nova versão é focar no empoderamento feminino, ao mesmo tempo em que traz atuações impecáveis e um Colin Farrel sedutor e, ao mesmo tempo, brutal. Entre as falhas, a maior talvez seja o chamado 'whitewashing' - personagens negras do livro, escravas, foram ignoradas na adaptação, enquanto que a personagem interpretada por Kirsten Dunst deveria ser mestiça. Indicado para quem busca histórias de mulheres fortes, mas também para aqueles já habituados com o ritmo da diretora.

O Estranho que Nós Amamos

Título original: The Beguiled

Gênero: Drama Ano 2017 Classificação indicativa: +14

Duração: 93 min País: USA

O Estranho que Nós Amamos

Direção: Sofia Coppola

Produção: Sofia Coppola, Youree Henley

Roteiro: Thomas Cullinan, Albert Maltz, Irene Kampm, Sofia Coppola

Elenco: Colin Farrell, Nicole Kidman, Kirsten Dunst, Elle Fanning

O filme é: Ousado, Contemplativo, Dramático, Inteligente, Original, Reflexivo, Impactante

Perfil: Festivais, Histórico, Psicología, Thriller

Sobre: Comportamento, Encontros, Família, Feminismo, Sexo, Sexualidade

Origem: Norte-americano

Sinopse Quando é encontrado ferido próximo a uma escola feminina durante a Guerra Civil dos EUA, o soldado McBurney é acolhido pela diretora. À medida que as jovens o refugiam e cuidam de seus ferimentos, o lugar é tomado pela tensão sexual e por perigosas rivalidades. Tabus são quebrados e os acontecimentos tomam um rumo inesperado.

Obrigado, agora você está inscrito na nossa newsletter!