Play Trailer

Safári

Ulrich Seidl Documentário 2018 91 min
Assista em casa:
Por que assistir a este filme?

Ulrich Seidl (‘Dog Days’) traz um relato cru – e, porque não dizer, cruel – da caça na Namíbia, África, que é tratada por muitos como um “caso de sucesso” para a proteção ambiental. O diretor acompanha um grupo de turistas endinheirados europeus que, sem nenhum pudor, mata animais (alguns até em risco de extinção). Com uma distância emocional, o documentário dá espaço para que eles coloquem as justificativas para os seus atos, inclusive as mais esdrúxulas. O contraditório, aqui, não está nos questionamentos feitos aos caçadores, mas sim ao expor os entrevistados ao julgamento de quem assiste ao filme. Há espaço, também, para que os turistas revelem seus pensamentos (e preconceitos) em relação ao povo africano. O resultado dessa mistura é um documentário duro e provocador, que funciona também como um interessante e doloroso registro de um microcosmo que possui um impacto gigantesco em um dos mais importantes ecossistemas da Terra.

Safári

Título original: Safari

Gênero: Documentary Ano 2018 Classificação indicativa: +12

Duração: 91 min País: Áustria

Safári

Direção: Ulrich Seidl

Produção: Sidsel Siersted

Roteiro: Veronika Franz, Ulrich Seidl

Elenco: Gerald Eichinger, Inge Ellinger, Manuel Eichinger

O filme é: Amargo, Ousado, Cruel, Atual, Genuino, Instrutivo, Doloroso, Reflexivo, Impactante, Sofisticado

Perfil: Festivais, Social, Trágico

Sobre: Comportamento, Ganancia, Natureza, Sociedade, Sustentabilidade

Origem: Europeu, Alemão

Sinopse Um retrato brilhante e perturbador da natureza humana. Viaje pela savana africana seguindo turistas em suas viagens de férias caçando animais, alguns em busca de troféus, outros apenas diversão. O quê os motiva?

Obrigado, agora você está inscrito na nossa newsletter!